quarta-feira, 31 de agosto de 2011

Questionamentos

Quando eu tinha 16, 17 anos, sonhava mudar o mundo, sonhava com um mundo mais justo, uma sociedade menos corrupta e brutal.
Hoje, não consigo mais acreditar nisso. É difícil admitir.
Não que eu tenha me tornado mais injusta, corrupta ou brutal, mas vejo tanta brutalidade à minha volta, tanta falta de compromisso, de verdade nas coisas e nas pessoas, que às vezes sinto medo.
Medo de não saber o que dizer às minhas filhas se algo terrível acontecer, medo da morte, medo de deixar este mundo sem captar o sentido da vida.
Mesmo assim - e apesar do medo - adoro viver.
Mas ando sentindo falta de mais amor, de mais autenticidade em minha vida.


4 comentários:

Um brasileiro disse...

Oi. Tudo blz? Estive aqui dando uma espiada. Muito interessante. Todos temos questionamentos. Mesmo assim a vida é bela. Vamos vive-la. Apareça por la. Abraços.

Martha disse...

Ok! Obrigada pela visita e pelo comentário.
Vou aparecer.
Abraços.

Chorik disse...

Não se sinta assim, Martha. Ninguém muda o mundo sozinho, mas se pessoas como você não acreditarem, ficará mais difícil. Falta amor, caridade, altruísmo, responsabilidade, atitude, falta um monte de coisa na sociedade atual. Mas isso vai mudar. Da forma mais dolorosa do que queremos, mas vai mudar.

Martha disse...

Chorik,
Você realmente acredita nisso? Ou tenta acreditar para não entrar em desespero?